Corpo docente

PROFESSORES PERMANENTES DO PROGRAMA:

Alex Beigui de Paiva Cavalcante - http://lattes.cnpq.br/9638277622683373 
Artista pesquisador. Pós-doutorado em Dramaturgia pela Université de Lausanne - Suíça (Bolsista/CAPES); Doutor em Letras (Dramaturgia Comparada - Literatura Brasileira) pela USP (Bolsista-FAPESP); Mestre em Artes Cênicas pela UFBA (Bolsista-CAPES); Graduado em Letras pela UFPB (Bolsista de IC-CNPq). Presidente da Comissão Organizadora do 1º Encontro do ARJ - Art Research Journal (Revista de Pesquisa em Artes) - O Conceito de Pesquisa na Pesquisa em Artes (2012 - CAPES); Membro-Sócio-Efetivo da ABRACE - Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Gradação em Artes Cênicas e Membro-Sócio-Efetivo da ABRALIC - Associação Brasileira de Literatura Comparada.Membro Sócio-Efetivo da SOCINE - Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual. Foi Orientador de Arte Dramática da USP - Universidade de São Paulo (2005-2006). Foi professor Associado da UFRN (2006-2018), onde desenvolveu pesquisas na área de Dramaturgia, Teatro, Literatura e Cinema. Membro do Grupo de Pesquisa Linguagens da Cena: imagem, cultura e representação (2012-2018) e do Grupo de Pesquisa em Estudos Irlandeses (2014-2018 /Diretório do CNPq). Participou da Comissão de criação do 1º Curso de Especialização em Cinema da UFRN (2014), sendo seu atual coordenador (2015-2016). Criou e implementou o Componente Curricular Etnodrama no Curso de Licenciatura em Teatro (2013). Participou da Comissão de elaboração, criação e implementação do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - PPGArC/UFRN, onde exerceu a função de coordenador (2008-2012). Atua também como Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem - PPgEL. Editor dos Cadernos do LINCC - Linguagens da Cena Contemporânea (ISSN: 1983-9197). Foi coordenador do Grupo de Trabalho - Territórios e Fronteiras da Cena na ABRACE (2012-2014) e vice-coordenador do mesmo Grupo (2010-2012). Membro do Comitê Científico da ABRACE (2010-2014). Desde 1999 vem pesquisando e publicando sobre: Teatro da Androginia; Etnodrama; Performance; Performances da Escrita; Performatividade em Textos Teatrais Contemporâneos; Matrizes Estéticas e Culturais da Cena Contemporânea. 

 

Aline Mendes de Oliveira -  http://lattes.cnpq.br/6205456930009951
Doutora em Artes pela Universidade Federal de MInas Gerais, sobre o tema: "A função narrativa da imagem no teatro". Possui graduação em Bacharelado em Artes Cênicas - Direção Teatral pela Universidade de São Paulo (2001) e mestrado em Artes Cênicas pela Universidade de São Paulo (2006). Professora de direção teatral do Departamento de Artes Cênicas (DEART), do Instituto de Filosofia e Artes (IFAC) - Universidade Federal de Ouro Preto. Tem experiência na área de artes cênicas com ênfase em Direção Teatral, atuando principalmente nos seguintes temas: teatro; direção teatral; Teoria do espetáculo; Tecnologias da cena. 

 

Éden Perettahttp://lattes.cnpq.br/5206908210115194

Professor Associado do Departamento (DEART) e do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas (PPGAC) da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Doutor em Studi Teatrali e Cinematografici (2010) e pós-doutor (2018) junto ao Dipartimento di Musica e Spettacolo da Università di Bologna, na Itália. Durante a sua estadia na Europa e no Japão, acompanhou o trabalho de importantes mestres da dança moderna e contemporânea, concentrando-se principalmente no universo da dança Butô, argumento central de sua tese de doutorado, a qual foi publicada em formato de livro pela editora Perspectiva sob o título"O soldado nu: raízes da dança butô"(2015). É coordenador do grupo de pesquisa (CNPq) HÍBRIDA - poéticas híbridas da cena contemporânea e do coletivo Anticorpos - investigações em dança. Pesquisa principalmente os campos do teatro-dança, da preparação corporal do ator, bem como os estudos sobre o corpo a partir das Ciências Humanas e Sociais. Atualmente realiza residência pós-doutoral junto à Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais.

 

Ernesto Gomes Valençahttp://lattes.cnpq.br/0934583574013716

Professor efetivo de Pedagogia do Teatro da UFOP. Doutor em Artes pela Escola de Belas Artes da UFMG (2014), possui Mestrado pela mesma instituição (2010) e graduação em Licenciatura em Artes Cênicas pela Universidade de São Paulo- ECA/USP (2002). Foi professor do Teatro Universitário da UFMG. Nos últimos anos, dirigiu peças de teatro e criou performances na cidade de Belo Horizonte. Coordena o Projeto de Pesquisa MediaLab Caixa Preta, ligado ao Departamento de Teatro da UFOP e ao Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - UFOP, que se propõe à experimentação de formas de incorporação de novas tecnologias audiovisuais às artes da cena (teatro/dança) através da experimentação do conceito de jogo.

 

Letícia Mendes de Oliveira - http://lattes.cnpq.br/7401563275407188

Conhecida artisticamente como Letícia Andrade (sobrenome materno), é atriz, dramaturga e diretora. Hoje é professora efetiva do DEART/IFAC, da Universidade Federal de Ouro Preto, na área de teoria da encenação e iluminação e professora do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas do IFAC/UFOP. De 2013 a 2016, foi professora de Práticas Cênicas, Iluminação e Teoria Teatral do Curso de Licenciatura em Teatro da Universidade Federal de Sergipe. Doutora em Artes pelo Programa de Pós-Graduação em Artes da Escola de Belas Artes da UFMG, com a tese “O papel do espectador nas dramaturgias contemporâneas brasileiras”, orientada pelo Prof. Dr. Antonio Hildebrando. Mestre em Teoria da Literatura, pelo Programa de Pós-graduação em Estudos Literários, UFMG, com a dissertação intitulada: “Instantâneos: o conto mínimo e a cena teatral em Fernando Bonassi” [Orientador Dr. Luis Alberto Brandão]. Formada no curso de formação de atores Teatro Universitário da UFMG, com a duração de 3 anos, em 1999. Foi professora de expressão corporal do Curso Técnico em Arte Dramática do SENAC-Ribeirão Preto em 2015. Foi professora de Teoria do Teatro e Dramaturgia do Departamento de Arte da UFOP entre os anos de 2009 a 2011 e orientadora de dramaturgia do curso profissionalizante de teatro da Fundação Clóvis Salgado-Palácio das Artes/Belo Horizonte de 2006 a 2010. Foi professora do curso de Letras da Faculdade de Santa Luzia (FACSAL), onde lecionou as disciplinas de Teoria da Literatura e Literatura Brasileira e professora de Literatura Brasileira e Portuguesa da UFV. Possui ampla experiência em: composição dramatúrgica para grupos de teatro com mais de quinze textos teatrais compostos em BH/MG e Ribeirão Preto - “Estamos trabalhando para você”, “Medeiazonamorta”, “Cara Preta”, “Arriscamundo” e “Prato do dia”, e “Ondas de onde parto”, de 2017 -, pesquisa acadêmica; conferências, bancas examinadoras de concursos público para professor efetivo, trabalhos de conclusão de curso. Possui extensa experiência profissional docente universitária com mais de quinze anos como professora de cursos de ensino superior e sete anos em curso técnico de formação de atores. Foi curadora em 2011 do 2°Festival de Teatro de Ribeirão Preto e eventos de extensão na UFS. Atuou como atriz em 24 espetáculos em 22 anos de carreira teatral. Concentra seu foco de estudos e pesquisas na área de encenação, dramaturgia, visualidades, e espaço cênico não convencional, por meio do conceito intitulado “cenografia do afeto”, que elaborou em oficinas e disciplinas ministradas. Investe na composição de espetáculos de autorias compartilhadas, nas linguagens fragmentárias e performativas entre texto e cena e na investigação da ação do espectador como um elemento ativo em processos criativos contemporâneos. Atualmente, desenvolve pesquisa sobre o Teatro Performativo, Visualidades, Tecnologias da Cena e História das Diretoras Brasileiras. Dirigiu, em 2013, dois espetáculos em Ribeirão Preto “Soterramento”, de Lucas Arantes e “Dá licença, senão eu grito!”, de sua autoria. Em 2015, dirigiu o espetáculo “Os Estranhos”, com alunos do curso de Licenciatura em Teatro da UFS. Em 2016, dirigiu “Res[sus]citações e outras formas de sangue”, com o grupo Midiactors, e realizou também a composição do figurino e a iluminação. Coordenou o projeto “Lumiar de aulas virtuais de iluminação teatral” e o grupo de pesquisa do CNPq intitulado “Fragmenta” de dramaturgia e encenação contemporâneas, e dialoga com as pesquisas do Grupo de pesquisa Midiactors da UFOP. Em 2018, dirigiu e escreveu “Ela veio para ficar”, com o Midiactors, apresentado no Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana também no mesmo ano. Palavras-chaves: dramaturgia, encenação, diretoras brasileiras, performatividade, visualidades cênicas, intermidialidades, interartes, semiótica teatral, espectador e iluminação teatral.

 

Luciana da Costa Dias - http://lattes.cnpq.br/8939356561837418

Pós doutorado no Center for Performance Philosophy, da tradicional Guildford School of Acting, na University of Surrey, Inglaterra. Doutora em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, atua como Professora Adjunta de Teoria da Arte e Estética Teatral no Departamento de Artes Cênicas (DEART/IFAC) da UFOP, no Programa de Pós Graduação em Filosofia (PGFIL/UFOP) e no Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas (PPGAC/UFOP), programa no qual atuou tanto na elaboração e aprovação do projeto quanto em sua implantação na Instituição (2012-2014), atualmente sendo sua vice-coordenadora. Pesquisadora vinculada ao Grupo de Pesquisa do CNPq: 'APORIA: Núcleo de Estudos em Filosofia e Artes da Cena (líder)', do qual é fundadora. Entre 2007 e 2008, desenvolveu parte dos estudos do doutoramento, com bolsa DAAD, na Freiburg Universität, sob orientação do Prof. Dr. Günther Figal. É ainda Bacharel, Licenciada e mestre em Filosofia pela UERJ, além de ter ampla formação em artes visuais, pintura, teatro e história da arte pela EAV - Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio de Janeiro.

Sua área de pesquisa principal é Filosofia da Arte e Estética Teatral, atuando principalmente nos seguintes temas: História da Arte e História da filosofia; Crise da Modernidade e Niilismo; Metafísica; História das Artes Cênicas; Estética Teatral; Relações entre Teatro e Filosofia; Teatro e (crise da) modernidade; Crise do Drama; Tragédia e contemporaneidade; Fenomenologia do Teatro e Fenomenologia da Performance. Filosofia da Performance. 

 

Marcelo Rocco http://lattes.cnpq.br/1086610024861975

Marcelo Rocco (Marcelo Eduardo Rocco de Gasperi) é professor Adjunto II da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) - Áreas de Licenciatura e de Bacharelado em Teatro, fixado no Departamento de Artes Cênicas (DEART). Atualmente é membro do colegiado de Bacharelado (DEART). É coordenador do subprojeto PIBID-Artes (UFOP). É professor e orientador no PPGAC (UFOP). É orientador no PPGAC (UFSJ). Orienta trabalhos de conclusão de curso nas áreas de Licenciatura e de Bacharelado (DEART). De 2013 até 2018 foi coordenador do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), no subprojeto Teatro (UFSJ). De 2013 à 2014 foi coordenador do programa de extensão Teatro, Memória e Patrimônio Cultural (UFSJ). De 2012 até 2018 foi coordenador do projeto de pesquisa Transeuntes - Estudos sobre performance (UFSJ), cadastrado pelo CNPq. De 2012 até 2018 foi orientador de Trabalhos de Conclusão e Curso (TCC) (UFSJ) nas áreas de Licenciatura e de Bacharelado. De 2012 até 2018 foi orientador acadêmico (UFSJ). Desde 2012 é membro do grupo de pesquisa do Laboratório de Improvisação e Dramaturgia (LADI), pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Desde 2013 é membro do grupo de pesquisa cênica HÍBRIDA - poéticas híbridas da cena contemporânea (CNPq). De 2017 até 2018 foi vice-coordenador do curso de Teatro (UFSJ). Em 2018 foi chefe de departamento (DELAC-UFSJ). Como formação é Doutor em Artes pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Artes pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) 2008. Especialista em Pós-Graduação/ Latu Sensu em Pesquisa em Arte e Cultura, na Universidade Estadual de Minas Gerais UEMG - Escola Guignard em 2008. Graduado em Direção Teatral pela Universidade Federal de Ouro Preto, em 2006. Graduado em Licenciatura em Artes Cênicas pela Universidade Federal de Ouro Preto, em 2006.

 

Nina Caetano http://lattes.cnpq.br/4396977006055773

Nina Caetano possui graduação em Língua e Literatura Francesas pela UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais (1996), na qual também fez seu mestrado em Estudos Linguísticos (2000). É Doutora em Artes Cênicas pela ECA - Escola de Comunicações e Artes da USP (2011) e Professora Adjunta do DEART - Departamento de Artes Cênicas da UFOP (Universidade Federal de Ouro Preto). Na UFOP, atua também no PPGAC-IFAC - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas do Instituto de Filosofia, Artes e Cultura, na linha de pesquisa Processos e Poéticas da Cena Contemporânea. Performer e dramaturga, trabalhou junto a diversos grupos teatrais de Belo Horizonte, seja orientando processos ou produzindo dramaturgias colaborativas. Atualmente é coordenadora do HÍBRIDA - poéticas híbridas da cena contemporânea (CNPq), grupo de pesquisa que integra artistas e estudiosos das Artes Cênicas, da UFOP e de outras universidades, bem como do NINFEIAS - Núcleo de INvestigações FEminIstAS com forte atuação junto à comunidade ouro pretana. Além disso, é integrante, desde 2007, do obsCENA, agrupamento independente de pesquisa cênica no qual desenvolve seu projeto docente: "Corpos Estranhos, Espaços de Resistência". Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Cena Contemporânea, na qual investiga, sobretudo, os seguintes temas: arte e contemporaneidade, arte pública, performance e gênero, teatro e performatividade, poéticas da cena contemporânea.

 

Neide das Graças de Souza Bortolini -  http://lattes.cnpq.br/5698244212403554

Graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais. Mestrado em Literatura Brasileira: literatura infantil. Doutorado em Artes na Universidade Federal de Minas Gerais. Áreas de pesquisa: interfaces nos campos da literatura, teatro, imagem e educação. Professora Adjunto na Universidade Federal de Ouro Preto no Instituto de Filosofia, Arte e Cultura, no Departamento de Artes Cênicas: Licenciatura. Integra o corpo docente do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas com o projeto de pesquisa Imagens no vazio, escritura e teatralidades.

 

Ricardo Carlos Gomes - http://lattes.cnpq.br/3190829168283062

Bacharel em Artes Cênicas (habilitação em Interpretação Teatral) pela UNIRIO - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (1987), Mestre em Teatro pela UNIRIO - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2000) e Doutor em História, Teoria e Técnica do Teatro e do Espetáculo pela Università degli Studi di Roma "La Sapienza" (2007). De 1989 a 1994 trabalha como ator no Teatro Tascabile di Bergamo, um dos grupos históricos do teatro italiano. Atua em diversos espetáculos do repertório do grupo e adquire experiência em todas as áreas da produção teatral, de acordo com o espírito de auto-gestão e trabalho cooperativo do Teatro de Grupo. De 2003 a 2007 trabalha como colaborador (ator, diretor e pesquisador) deste mesmo grupo. Desde 1996 é membro fundador do Teatro Diadokai, do qual é diretor artístico. Desde 2000 é membro fundador da CASA - Cooperativa de Artistas Autônomos. Desde 2008 é Professor Adjunto de Interpretação Teatral no DEART - Departamento de Artes Cênicas do IFAC - Instituto de Filosofia, Arte e Cultura da UFOP - Universidade Federal de Ouro Preto (MG), onde coordena o Núcleo de Pesquisa sobre a Arte do Ator entre Oriente e Ocidente e o Grupo Mambembe de Teatro e Música Itinerante. Tem experiência internacional na área de Artes, com ênfase em Teatro, tendo atuado como ator e/ou diretor em diversos países das Américas (Brasil, Argentina, Bolívia, Estados Unidos e México), da Europa (Itália, França, Espanha, Áustria, Alemanha, Polônia, Mônaco e Dinamarca) e da Ásia (Índia e China), participando de numerosos festivais internacionais. Atua principalmente nos seguintes temas: Teatro, Antropologia Teatral, Trabalho do Ator, Teatro de Rua, Teatro Oriental e Teatro-dança Clássico Indiano.

 

Paulo Maciel -  http://lattes.cnpq.br/9374193161036263

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1999), mestrado em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2003) e doutorado em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2009) e pós-doutorado como bolsista FAPERJ/UNIRIO (2009-2011); CNPQ/UNIRIO (2013). Com atuação em pesquisa na área de teoria e história do teatro, especialmente do teatro brasileiro, bem como estudos voltados à poética do texto e da cena e experiência profissional em ensino na área das artes, da história e da educação.

 

* Bolsista de Pós doc: Clóvis Domingos http://lattes.cnpq.br/5673142092231605

Pesquisador, professor e crítico teatral. Atualmente, realiza Estágio Pós-Doutoral em Artes Cênicas na Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), com Bolsa CAPES. Doutor e Mestre em Artes da Cena pelo Programa de Pós-Graduação em Artes da UFMG. Bacharel em Direção Teatral pela UFOP. Foi professor de Teoria e História do Teatro no Curso de Artes Cênicas da Universidade Federal de Ouro Preto. Atuou como monitor das disciplinas de História do Teatro I e II, e Literatura Dramática I e II no Curso Técnico de Formação de Ator do Teatro Universitário da UFMG. Atualmente desenvolve pesquisa sobre Crítica e Historiografia do Teatro Brasileiro no século XX no Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da UFOP. Pesquisador do agrupamento Obscena (Belo Horizonte / MG). Pesquisador do Híbrida - Poéticas Híbridas da Cena Contemporânea do DEART- UFOP. Atua como crítico no site Horizonte da Cena (BH/MG).